Teresina

O prefeito Firmino Filho deu posse ao vereador Caio Bucar, que assume (Eturb).

Caio Bucar toma posse como presidente da Eturb

Principal missão do novo gestor será a regularização fundiária

O prefeito Firmino Filho deu posse na manhã desta segunda-feira (01) ao vereador Caio Lustosa Bucar, que assume a partir de hoje a Empresa Teresinense de Serviços Urbanos (Eturb). A solenidade aconteceu no salão nobre da Prefeitura de Teresina e reuniu autoridades municipais e estaduais, vereadores e familiares do empossado.

“É com imensa alegria e gratidão que assumo esse convite feito pelo prefeito Firmino Filho de integrar essa equipe tão competente. Meu compromisso é honrar essa confiança de fazer a Eturb voltar a ser o órgão que já foi um dia e, principalmente, agilizar a regularização fundiária do município. Essa, sem dúvidas, será minha principal missão”, disse Caio.

O prefeito Firmino Filho desejou sucesso ao novo secretário e disse estar confiante no trabalho de Caio. “Estamos muito satisfeitos por ele ter aceito nosso convite e não temos dúvidas de que ele será o gestor que o órgão precisa. A regularização fundiária é algo urgente na nossa cidade e com essa nova gestão nossa meta é dar agilidade a esses processos,pois sabemos que atualmente muitas famílias lutam para ter seus imóveis registrados. Nosso foco é que logo nos primeiros meses de trabalho possamos regularizar a situação de, pelo menos, dez mil famílias”, disse Firmino.

Caio Bucar é natural de Floriano (PI), bacharel em Administração pela Universidade Estadual do Piauí (Uespi), pós-graduado em Administração Pública pela Universidade Federal do Piauí (UFPI) e funcionário do Banco do Brasil desde 1984. Exerceu as funções de Diretor de Fiscalização de Tráfego Rodoviário do Estado do Piauí e de Diretor de Unidade de Relações Institucionais da Secretaria de Governo do Estado do Piauí. Atualmente exerce o mandato de Vereador na Câmara Municipal de Teresina, com diversas leis aprovadas de sua autoria Caio Bucar toma posse como presidente da Eturb  

Fonte: PMT / Créditos: Rômulo Piauilino

Comentários

comentários

Ronny
Topo